0 - R$ 0,00

BLOG

Sexo anal: uma prática que pode ser prazerosa e divertida 20/06/2020 15h00 | BY Anônimo

135

Entrar pela porta dos fundos. Na vida cotidiana, isso quer dizer passar por um local sem ser notado, uma expressão que significa discrição. Quando o assunto é sexo, o significado muda e muito. Indica uma prática muito apreciada pela grande maioria dos homens e ainda um tabu para muitas mulheres: o sexo anal. 

Para eles, representa o domínio da situação, uma sensação de comando, são só no aspecto físico, mas, também, emocional. Para elas, significa um mundo que ainda pode ser descoberto e explorado. Isso pode ser provado em números: levantamento realizado por pesquisadores da Universidade de Indiana Bloomington, dos Estados Unidos, que entrevistou 2.021 pessoas e foi publicada em 2017, aponta que apenas 37% das mulheres aceitam praticar o sexo anal regularmente.  

Uma coisa é certa: mais do que uma simples posição, essa é uma forma de aumentar a intimidade do casal e tornar as relações mais quentes e interessantes. Ao contrário do que muita gente pensa e até diz por aí, sexo anal não tem nada de vulgar. Muita coisa mudou é preciso se libertar de ideias pré concebidas. Entre quatro paredes, na intimidade do casal, vale muita coisa, desde que haja respeito, consentimento e carinho. 

Duas das justificativas mais comuns por parte das mulheres para resistir a essa prática são o medo de sentir dor e a desinformação. Em tempos de redes sociais, sobram “fake news” sobre vários assuntos. Com o sexo, que tanto interessa às pessoas, não seria diferente. É algo comum, que não deveria causar tanto alvoroço, mas… Para começar, é bom desfazer alguns mitos. Vamos a eles agora mesmo. 

O que não é verdade sobre isso:

1-Vai doer

Não necessariamente. Isso depende de vários fatores, como a preparação (principalmente para quem ainda não experimentou), lubrificação (ao contrário da vagina, o ânus não se lubrifica sozinho, de forma natural, assim, o uso de um bom lubrificante à base de água ajuda bastante) e pedidos ao parceiro para caprichar nas preliminares são fatores que fazem a diferença. 

2-Não vou sentir prazer

Outra mentira. Ou uma ideia bem errônea e distorcida. A mulher pode sim sentir prazer no sexo anal. A região anal é uma zona erógena (partes do corpo que proporcionam prazer quando são devidamente estimuladas, como a boca, o clítoris e o pescoço) que pode trazer satisfação sexual e novas sensações. Só para você ter uma ideia: o ânus tem milhares de terminações nervosas, dessa forma, a chance de alcançar o orgasmo é muito grande. 

Para começar, uma dica é ficar “de ladinho”, a famosa conchinha, posição bem confortável. A tradicional papai e mamãe também é boa pedida, principalmente por aumentar a intimidade e permitir uma comunicação mais direta sobre o ritmo e o que está agradando ou não. 

Se você já fez sexo anal outras vezes, pode partir para outras posições, como ficar de quatro (a penetração é mais profunda e a transa ganha um toque bem selvagem) ou a mulher se sentar sobre o pênis do parceiro, de costas para ele. 

3-Faz mal

Não. O sexo anal não faz mal à saúde. É uma prática que pode ser completamente natural e saudável. O ânus pode receber a penetração sem maiores problemas. É uma prática que pode trazer muito prazer ao casal, desde que os dois tomem os devidos cuidados, como a devida higiene e o uso da camisinha. Deixe a mente à vontade,  Libertem-se!

4-Tem que ter penetração

Não necessariamente. Essa região pode ser estimulada de várias maneiras. Os dedos e brinquedos eróticos são boas opções para ter prazer, principalmente para experimentar essa posição e se acostumar com ela. 

Brinquedos eróticos podem ajudar… 

Uma vez rompida a barreira do medo, é hora de abrir a mente e se preparar para uma nova forma de prazer. Não é preciso ter pressa: principalmente para quem ainda vai experimentar, não pense que é obrigada a sentir o pênis do seu parceiro inteiro dentro de você, logo de primeira. Para relaxar e se sentir mais à vontade, os brinquedos eróticos podem ajudar e muito. 

Um exemplo deles para essa finalidade são os plugs anais. Esses objetos foram projetados para ser deslizados dentro do ânus e ficar lá dentro, sem qualquer incômodo. Ajudam a musculatura anal a se acostumar com uma abertura diferente da habitual. E tem uma vantagem muito interessante: como eles tem um design bem discreto, podem ser usados debaixo das roupas, de maneira discreta, enquanto são realizadas as tarefas do dia a dia. 

Para os casais mais ousados, que pensam até em se aventurar em público, o uso do plug anal é uma pimenta a mais na relação… Já pensou? O uso desse sexy toy se tornou comum nos últimos anos. 

Quem leu o livro 50 tons de Cinza ou assistiu a adaptação da história para os cinemas vai se lembrar: Anastasia, a protagonista, era resistente ao sexo anal. Ela queria experimentar essa forma de prazer, mas, sentia uma mistura de medo e curiosidade. Christian Grey, o bilionário que se apaixona pela moça e mexeu com a cabeça das mulheres no mundo inteiro por ser charmoso, criativo, decidido e muito ousado, a leva para o escritório, cria um clima e apresenta um novo brinquedinho: o plug anal. Cheia de tesão e completamente entregue, Ana experimenta sensações incríveis. No livro, o relato da cena é ainda mais intenso e quente. 

Você já ouviu falar nas contas anais? Também chamadas de bolinhas tailandesas, são pequenas contas em um longo cordão. Elas são inseridas no ânus de forma individual. Muitas mulheres sentem prazer ao experimentar cada bolinha entrando por esse espaço. Justamente por isso, as contas tem tamanhos diferentes: o diâmetro vai crescendo. 

À medida que são inseridas, as bolinhas vão ficando maiores. Algumas delas podem passar dos 20cm. A dica aqui é: se você ainda está experimentando os prazeres do sexo anal, o ideal é usar bolinhas menores. Na hora de comprar, observe o material e a durabilidade. As contas anais feitas de silicone puro são indicadas por que são flexíveis e tem tamanhos amigáveis para quem está descobrindo agora essa forma de prazer. 

O vibrador anal é outra boa pedida. Feito para aumentar a sensação de prazer, esse sexy toy torna essa experiência ainda mais divertida. Flexível, feito de material macio e à prova d’água, ele é anatômico e tem velocidades diferentes. Um sexy toy interessante para ter na gaveta e usar nesse momento para aumentar seu repertório sexual! 

Para deslizar mais fácil…

Além dos brinquedos, há um item muito útil para esse momento: o gel para sexo anal. Feitos à base de água, eles não causam alergia. Eles também evitam lesões nessa área, que precisa de cuidados devido à sensibilidade. Outro ponto que precisa ser destacado é que o gel evita que a camisinha se rompa com o movimento de vai e vem. E claro: eles aumentam a libido e a excitação na hora h. 

Algumas dicas para eles… 

Sexo não pode ser bom para um só. Homem e mulher devem sentir prazer. É uma troca constante. Quando o assunto é sexo anal, paira sobre o ar uma ideia de que o homem está ali comandando tudo e pronto. Engano. Por isso, preparamos algumas dicas que podem ajudar bastante, principalmente se você quer esse tipo de relação com sua parceira mas ainda não chegou lá. 

1-Deixe sua parceira à vontade 

Não adianta forçar a barra. Lembre-se: sexo deve ser algo prazeroso para os dois. O melhor caminho é conversar. Como argumento, você pode dizer que essa é uma nova forma de satisfação sexual para o casal. As mulheres também gostam de estimular a imaginação… seja criativo. Há muita informação de qualidade disponível. Que tal sair do seu quadrado e ousar?  Algo bem legal para isso é a prática do Roleplay, em que os dois fingem ser outras pessoas. 

E vale abusar da criatividade: criar um cenário, arrumar uma fantasia bem legal e literalmente viver o personagem. Sexo é algo que mexe com a mente e com o corpo: encenar uma situação diferente traz uma carga de erotismo muito grande! Combine com sua parceira algo que seja legal para os dois e dê o seu melhor! 

2-Capriche nas preliminares

Um homem habilidoso consegue proporcionar prazer à sua parceira, e claro, sente o melhor que o sexo pode proporcionar. As mulheres admiram a criatividade, a fantasia, gostam quando o parceiro investe tempo em demonstrar que ela é importante e amada. 

O sexo para as mulheres começa muito antes de tirar a roupa. É aquele café da manhã especial, um chocolate deixado debaixo do travesseiro, uma mensagem carinhosa no meio da tarde mesmo em uma data comum… tudo isso ajuda a criar o clima perfeito. 

Na hora h, também vale caprichar em algo que elas adoram: as preliminares. Nada de pressa! Valorize cada momento do sexo. Deixe o ambiente à meia luz, para criar um clima favorável. Música relaxante também vale. Use seu perfume que ela gosta, sem exageros, claro. Sua parceira valoriza o seu cheiro. Cuide das suas palavras: as mulheres tem ouvidos sensíveis e se excitam com o que ouvem. Esse é um dos principais estímulos para elas na hora da transa.

Tire a roupa dela devagar, peça por peça, e aproveite para curtir cada parte do corpo que for aparecendo. Isso vai mexer muito com o tesão da sua parceira. 

Outra boa dica é surpreender nas carícias. Por exemplo: quando estiver beijando o corpo dela, dê a entender que vai beijar uma parte, mas, vá para outra. Ela espera um beijo no pescoço? Vá para os seios. Dê uma leve mordida quando ela estiver esperando um beijo… e por aí vai. Evite os movimentos programados. Tente surpreender sempre: isso é muito estimulante para ela! Seu cérebro vai criar novas conexões e o prazer será muito maior. 

Cada toque é importante. Quando chegar às partes internas, comece por fora. Acaricie a parte externa das coxas e vá deslizando os dedos em movimentos leves e sem pressa. Isso ajuda sua parceira a ficar mais excitada, relaxada e vai deixar as partes internas mais expostas. 

Já falamos sobre mordidas, mas, vale reforçar: esse é um dos tipos de carícia preferidos pelas mulheres! É estimulante para elas e dá um toque animal, uma pegada selvagem. É só ter cuidado com a força. 

Não tenha pressa em fazer a penetração. À medida que sua parceira se excitar, ela vai pedir por isso. E já que o nosso tema central nesse texto é sexo anal, vale caprichar no aquecimento. Um bom amante sabe bem disso! Outra dica: use seus dedos lá… É uma boa pedida, principalmente se a sua parceira está começando no sexo anal. Primeiro a metade de um dedo, depois ele inteiro, mais um dedo… assim ela vai se acostumando e fica mais fácil quando você iniciar a penetração. 

Não se esqueça: ser generoso vai te levar a outro nível de prazer! Durante as preliminares, diga que você gosta dela e o que ela tem e faz que te deixa louco! Isso vai deixá-la excitada e facilitar o momento da penetração. Aproveite cada instante. Vocês gozaram antes dessa parte? Sem problemas. O mais importante é curtir cada segundo e explorar os limites do corpo e da imaginação. 

O que eles podem usar… 

Os sexy toys apimentam as relações. Eles servem para elas e para eles. Isso mesmo! Os homens também podem aproveitar a versatilidade dos brinquedos eróticos e potencializar os momentos de prazer e diversão. Podemos falar de dois agora. 

O primeiro é a capa peniana. Feita em material macio, ela se adapta a diferentes espessuras do pênis. Perfeita para o sexo anal, ela conta com saliências massageadoras e relaxantes. Lembra que falamos, lá no início do texto, sobre o prazer na região do ânus? Então… esse brinquedo erótico pode deixar esse momento mais gostoso. Um detalhe interessante é que a capa vem com um anel que se prende ao escroto e ajuda a retardar a ejaculação, aumentando o tempo da penetração. Mas, atenção: o uso da capa não substitui a camisinha. 

O segundo é o anel peniano. Conhecido também como “cock rings”, é um dos campeões de vendas em Sex Shops. Um dos brinquedos eróticos mais procurados pelos casais justamente por ser simples e ter uma aparência inofensiva. Ótimo para quem quer sair da rotina e apimentar a relação de um jeito simples. Ele é colocado na base do pênis e serve para aumentar a estimulação. Há relatos de que esse brinquedo erótico torna os orgasmos mais intensos… ótima opção, principalmente para aproveitar as delícias do sexo anal. 

Benefícios do Sexo Anal 

Já falamos um pouco de como pode ser o sexo anal para elas e para eles. Chegou a hora de detalhar alguns dos benefícios dessa prática. 

1-Santo remédio contra o estresse e parte ruim da TPM

As mulheres sabem muito bem o que é isso: dias antes da menstruação, vem a ansiedade, irritabilidade, alterações do humor, dificuldade de concentração, ganho de peso…É algo comum na TPM (Tensão Pré Menstrual). Esses problemas podem ser amenizados com mais prazer na cama! Durante o ato sexual, o corpo produz e libera hormônios ligados às sensações de prazer e bem estar, como a endorfina e a ocitocina. No caso do sexo anal, os efeitos são ainda mais relaxantes. 

2- Orgasmos múltiplos

É isso mesmo que você leu! Não podemos esquecer que o sexo deve ser algo prazeroso, para aproveitar, curtir. Como já falamos no início desse artigo, é mito a ideia de que o sexo anal não vai te dar satisfação. Uma forma de ter ainda mais prazer é, enquanto seu parceiro faz a penetração, você tocar o clítoris. Será uma sensação inesquecível!

3-Pele mais bonita e viçosa

Quer reduzir os gastos com cremes e hidratantes? O sexo anal pode ajudar. Essa prática estimula o corpo feminino a produzir estrogênio, hormônio sexual feminino que tem, entre outras funções, regular a distribuição de gordura no corpo, crescimento de pelos e estimulação do crescimento do endométrio no útero, deixando-o preparado para a ovulação. 

O estrogênio também ajuda a pele a ter um aspecto mais brilhosa, lisinha e jovial. Não é segredo pra ninguém que ter a pele assim é o sonho de consumo de milhões de mulheres mundo afora, né?! 

4-Prazer pra você e pra ele! 

Já falamos algumas vezes, mas, não custa repetir: sexo tem que ser bom para os dois. E uma coisa que o sexo anal proporciona e muito é a satisfação para ambos. Além de aproximar e aumentar a intimidade, essa prática dá um toque de pimenta na relação, quebrando a rotina. Sem contar que é possível experimentar novas posições, descobrindo novas possibilidades e conhecendo ainda mais o corpo do parceiro. E cá pra nós, dar um up na relação é sempre legal!

Um beijo diferente…

Quando o assunto é sexo anal, com o perdão do trocadilho, é preciso ir fundo. Deixar medos e pudores de lado e curtir essa prática ao máximo. Podemos dizer sem receio de errar que o sexo anal é um mundo de prazer a ser explorado. E aqui vai uma dica para os homens: é possível deixar sua parceira excitada com algo além do seu pênis. 

Você já ouviu falar em beijo grego? A gente te explica. É uma carícia que pode levar o tesão na Lua! Vamos detalhar mais: o beijo grego consiste em lamber ou acariciar o ânus de outra pessoa com a boca. Novidade pra você? Experimente! 

Vamos repetir algo que já falamos: não tenha pressa. Antes de começar, dê beijinhos e lambidas no bumbum de quem vai receber esse carinho. Movimentos circulares ou horizontais/verticais com a língua são ótimos para começar.  

Também vale combinar o beijo grego com outras práticas. A masturbação, por exemplo. Se o homem é quem está beijando, pode acariciar a vagina da parceira e colocar o dedo. Ela vai curtir! 

Se é a mulher quem está beijando, pode fazer carícias no saco escrotal ou partir para a masturbação do parceiro. É interessante ir conversando para chegar à combinação que mais agrada ao casal. 

Já falamos que o tesão aumenta e muito com o beijo grego, lembra? A gente explicar o motivo: a boca e o ânus são regiões que contam com muitas terminações nervosas. Quando estimuladas, passam por vasodilatação (mais sangue circula por ali), o que resulta em picos de tesão… Se contorceu só de imaginar? Não se preocupe: isso é normal (risos). 

Sem dúvida, é uma ótima oportunidade para aumentar a conexão entre o casal! Para que o beijo grego proporcione o máximo de prazer, a intimidade entre os parceiros precisa estar lá em cima. 

Se você ainda tem vergonha e quer experimentar, a gente te ajuda nisso. O primeiro passo é falar sobre isso com o parceiro. Falar sobre as suas expectativas, ouvir as dele e saber direitinho o que cada um gosta. Sexo deve gerar prazer para ambos e tentar sentir mais tesão com e pelo outro não é errado. 

Se os dois tem vontade de experimentar, é hora de se preparar para a experiência. Lave bem a região antes de começar. Na hora do banho, afaste uma nádega da outra e deixa a água do chuveiro escorrer de forma livre e abundante. Uma dica é aplicar sabonete neutro no ânus e esfregar levemente com os dedos. Aparar ou depilar os pelos na região também é um cuidado importante. 

Proteção é fundamental. Uma forma de experimentar o beijo grego sem sustos é pegar uma camisinha masculina ou feminina, rasgar o preservativo e colocá-lo para formar um tipo de barreira. Desse jeito, é possível chupar e lamber o ânus do parceiro em cima da camisinha. 

Escolher a melhor posição também ajuda muito. Se vocês estão começando, o ideal é fazer de bruços (com a barriga para baixo). 

O beijo grego é uma ótima preliminar para o sexo anal, justamente por lubrificar essa região. Não se esqueça: se a penetração vier depois do beijo, é importante usar um lubrificante à base de água. Isso ajuda no movimento do pênis e deixa a mulher mais relaxada. 

Se você ainda tem dúvidas sobre o sexo anal, isso pode te convencer… 

Desfizemos mitos, falamos dos benefícios, sugerimos brinquedos eróticos e citamos algo que pode aumentar o tesão e deixar o casal mais relaxado para o sexo anal. Se você ainda tem dúvidas sobre o quanto ele pode ser prazeroso e divertido, o que vem a seguir pode te convencer. 

1-Problemas para dormir? Isso pode ajudar…

O sexo anal traz vários benefícios, como a produção de hormônios responsáveis pelas sensações de bem estar e prazer no corpo do homem e da mulher. Com certeza você vai gastar muita energia e estará pronto (a) para dormir feito um anjo logo depois. 

2-Revire os olhos de prazer…

Está mais que provado que o sexo anal pode ser muito prazeroso. As terminações nervosas do ânus vão do períneo ao clítoris, e a mulher pode chegar ao orgasmo com uma combinação simples: tocar o clítoris enquanto é penetrada por trás pelo parceiro. Quanto mais a mulher se toca e se excita, mais aproveita a transa. Seus olhos vão revirar de prazer! 

3-Um poderoso relaxante muscular 

Além de deixar sua pele mais brilhante, lisinha e viçosa, e ajudar na produção de hormônios ligados ao prazer, o sexo anal faz muito bem para o seu corpo: à medida que o ânus vai se abrindo com a prática e o tempo, maior será a sensação de relaxamento depois. Legal né?! Sem contar que o sexo anal é uma ótima alternativa contra vários tipos de dores, como as cólicas menstruais e espasmos do aparelho digestivo. Esse jeito de fazer sexo também ajuda na produção de corticóides, hormônios produzidos pelas glândulas supra-renais que tem importante função anelgésica e anti-inflamatória. 

4-Mais uma forma de se aproximar do (a) seu (a) parceiro (a)

Quando o assunto é sexo, nada pode ser feito só para agradar o outro. Tem que haver vontade e consentimento. E esse tipo de relação contribui e muito para aumentar a intimidade do casal. Vocês vão aumentar a conexão e se sentir mais próximos. Quando isso é feito com alguém que você ama, é melhor ainda! 

Se não fez ainda, está na hora… Se já fez, faça ainda mais! 

Se você precisava de motivos para experimentar o sexo anal ou fazê-lo mais vezes, isso provavelmente não é mais problema, certo? É uma forma completamente natural e segura de sentir prazer. Liberte-se de preconceitos, mitos e ideias distorcidas. Se você ainda não fez e tem vontade, que tal conversar com seu (a) parceiro/parceira? Um bom diálogo ajuda e muito. Dê asas à imaginação, abra a cabeça para o novo e divirta-se. Sexo é vida e sexo anal pode ser a cereja do bolo! 

A Essencial Prazer, sempre perto de você nos momentos mais íntimos e marcantes, tem produtos especiais para fazer desse instante algo inesquecível. 

Como falado lá na primeira linha deste texto, entrar pela porta dos fundos ou deixar que alguém entre por ela, definitivamente, é uma ótima ideia. Não perca tempo: se não fez, está na hora. Se já fez, faça ainda mais.