0 - R$ 0,00

BLOG

O que você precisa saber sobre massagem erótica 21/08/2020 12h00 | BY Anônimo

103

Compressão metódica das partes musculares do corpo e das articulações. Não ligo a descrição ao significado? A gente fala o que é: esse é a explicação do dicionário para a boa e velha massagem. É considerada uma das formas mais antigas e simples de terapia conhecidas pela humanidade. Ela foi registrada em pinturas rupestres (representações artísticas pré-históricas) na China, Egito, Japão e Pérsia há cinco mil anos. No Ocidente, a técnica era utilizada nas medicinas grega e romana. A massagem é reconhecida como uma maneira eficiente e natural de aliviar dores, amenizar lesões, prevenir e curar doenças. 


Os indianos deram um toque de sensualidade ao procedimento. Foram eles os criadores da Massagem Tântrica. Sua principal diferença para a massagem comum é trabalhar o conceito de shakti, que quer dizer energia. Seu objetivo também é diversificado: ao invés de relaxar os músculos e diminuir as tensões, a meta é excitar o sistema sensorial de todo o corpo, abrindo novas portas para o prazer. No entendimento dos indianos, toda a extensão corporal pode causar satisfação sexual. Vamos a uma rápida aula de anatomia. Nosso corpo é repleto de zonas erógenas, que proporcionam muito prazer quando estimulados. As mais conhecidas são relativamente óbvias: o clítoris e o tão comentado Ponto G nas mulheres, a glande (cabeça do pênis) e o saco escrotal no homem. Porém, é possível ir muito mais longe. 


Outros pontos podem se transformar em “gatilhos” de prazer: cotovelos, joelhos, pescoço, orelhas, mamilos e a nuca são alguns bons exemplos. Há outra informação interessante: as zonas erógenas não são iguais em todo mundo e mudam durante a vida. Massagem Tântrica também é autoconhecimento (não é papo do coach, nem palestra....). Para uma boa massagem tântrica, é fundamental alcançar os chakras, pontos de energia conectados com o nosso corpo que representam nossa vibração mental e física. São sete principais: na coluna vertebral (representa a ligação do ser humano com a terra), umbilical (compreende toda a região genital, tanto nos homens quanto nas mulheres), plexo solar (lida com a autoexpressão e a relação da mente com vontade e poder), cardíaco (tem relação com o amor que sentimos por nós mesmos e pelos outros, generosidade e gratidão), laríngeo (está na garganta, está ligado à comunicação e à criatividade), frontal (também chamado de “terceiro olho”, tem relação com a intuição) e coronário (situado na cabeça, tem relação com nossa consciência espiritual, nossa consciência em busca de ser alguém maior ou melhor). 


Se você nunca recebeu tanta informação sobre massagens, pode ficar tranquilo (a)! A ideia desse post é passar algumas ideias e dicas pra você aproveitar essa técnica com seu amor, da maneira mais divertida e sexy possível. 



Criando o clima para usar as mãos… 

Se engana quem pensa que a massagem pode ser feita de qualquer jeito. Não. É preciso pensar nos detalhes pra que você e seu amor tenham uma experiência marcante. É parecido com o sexo propriamente dito: começa muito antes de tirar a roupa. Se liga nas dicas que preparamos! 





1) Crie um clima legal

 

Reserve um lugar especial para isso. Pode ser o próprio quarto, mas, com alguns toques diferentes. Troque os lençóis e dê preferência para cores mais claras. Toalhas novas e perfumadas também compõe o ambiente e deixam tudo mais confortável. 

 

Tire de vista objetos que tenham muita informação visual. Se possível, deixe o espaço à meia luz. Para isso, o uso de velas é boa pedida. Música relaxante também vale. E não precisa quebrar a cabeça: você encontra boas playlists na internet. Se você quiser sair um pouco do ambiente doméstico, um hotel é interessante. Dica para os homens: motéis não são o melhor lugar para isso, justamente por não trazer a impressão de aconchego. E também pode incomodar sua parceira. 

 

2)Use óleo de massagem 

 

Você conhece os óleos de massagem? Eles servem para evitar o atrito das mãos com o corpo e também liberam aromas que promovem bem estar, conforto e relaxamento, e claro, deixam a pele mais bonita, brilhante e saudável. Não despeje o produto diretamente na pele da pessoa que será massageada. O certo é espalhar nas mãos e deixe escorrer um pouco pelas costas (no próximo passo falamos a posição ideal para começar). Alguns dos óleos de massagem são comestíveis, o que aumenta ainda mais a diversão no momento. 

O que não faltam são excelentes opções, com aromas agradáveis e afrodisíacos, para esquentar o clima e agradar seu amor em cheio! 

 

3)Comece com seu parceiro de bruços 

 

Esse é o passo básico para começar a massagem. A posição está relacionada ao começo da excitação: é a partir dela que o casal pode partir para o sexo propriamente dito. Também há outro detalhe importante. As costas tem muitas terminações nervosas. Lembra que falamos das zonas erógenas? Então… começando por aí, a tendência é esquentar até que os dois estejam muito excitados. 

 

4)Pode usar a boca...

 

Uns beijinhos durante a massagem são muito bem vindos. E com certeza vão estimular quem está recebendo esse carinho. 



5)Não faça um movimento só

 

A massagem erótica deve ser estimulante. Para isso, é importante saber quais os movimentos devem ser feitos. Para começar, faça o movimento de pressão com as mãos fechadas, com cuidado para não pressionar demais os músculos. Outra forma de usar as mãos é colocar os polegares abertos nas áreas de tensão, como o pescoço e os ombros. Com cuidado para não machucar, é claro. Outra boa pedida é fazer movimentos circulares. 



6)Não tenha pressa para chegar aos pontos principais 

 

Não tenha pressa para chegar às zonas erógenas. O objetivo da massagem é estimular o parceiro, isso não é uma corrida. Antes de chegar à área dos genitais, massageie pontos que nem sempre são lembrados, como a nuca, as orelhas, o arco dos pés, os pulsos, os dedos e as palmas das mãos. Não esqueça: curta o momento! 

 

7)Capriche nos pontos de mais estimulação 

 

Sigmund Freud (1856-1939), considerado o pai da Psicanálise e responsável por pesquisas importantes sobre sexualidade, dizia que “o corpo é um playground de zonas erógenas”. É como uma porta para a satisfação sexual: com a chave certa, é prazer garantido! Mais um pouquinho de anatomia: nas mulheres, as costas, os mamilos, a virilha e a parte interna das coxas são pontos que aumentam o tesão quando estimulados. Nos homens, as regiões erógenas, além do pênis, são os lábios, o pescoço e as orelhas. 

 

8)Use a criatividade 

 

Para proporcionar mais prazer a quem vai receber a massagem, vale, e muito, usar a criatividade. A ideia principal é explorar sensações para excitar o parceiro. Como já foi citado, vale usar a boca e pensar em outros movimentos, como roçar o seu corpo sobre a pessoa, estimular pontos distintos do corpo simultaneamente, fazer uns carinhos no rosto, derramar um pouquinho de óleo e fazer parte da massagem com o próprio corpo, lamber pontos específicos enquanto usa as mãos… use a imaginação! 

Alguns segredos do corpo…

Conhecer o corpo de quem você quer agradar. Essa é uma das dicas mais importantes quando o assunto é massagem erótica. A primeira dica é para agradar em cheio as mulheres. Comece com ela deitada de bruço, coloque óleo nas mãos e espalhe por toda a região da coluna e passando pelos braços, com movimentos circulares. Continue no mesmo trajeto: massageie o bumbum (vale apertar um pouquinho…) e as pernas. Depois, peça para que sua parceira fiquei de frente pra você, e comece de baixo para cima. Na barriga e nos seios, os movimentos circulares são os mais indicados. Beijos nos mamilos caem muito bem! Provavelmente ela estará muito excitada. Começar o sexo oral a partir daí é ótima ideia. 

 

Agora, o que excita os homens. Deixe-o de barriga pra cima, olhando pra você. Comece pelos pés, passe pela parte interna das pernas e vá até a virilha. Sente-se sobre o colo dele, para que o contato visual seja ainda maior. Espalhe um pouco de óleo sobre seu tórax e faça movimentos alternados com movimentos circulares e intensos. Aproxime os corpos e deixe que os seus seios encostem no peito dele. Se tiver óleo comestível, melhor ainda: hora de aplicar no abdome e tirar com a língua. Peça para que ele se deite de bruços e alterne os movimentos com as mãos e o próprio corpo. Para começar o sexo oral, massageie o pênis com de forma suave, sem perder a intensidade. 

Um reforço para as preliminares…

A essa hora, vocês devem estar explodindo de desejo! E o objetivo da massagem é justamente esse: apimentar a relação, dar aquele molho que às vezes falta no dia a dia. A massagem erótica pode servir como um reforço para as preliminares. E aqui vai uma dica para os homens: as mulheres admiram a criatividade, a fantasia, gostam quando o parceiro investe tempo em demonstrar que ela é importante e amada. O sexo para as mulheres começa muito antes de tirar a roupa. É aquele café da manhã especial, um chocolate deixado debaixo do travesseiro, uma mensagem carinhosa no meio da tarde mesmo em uma data comum… tudo isso ajuda a criar o clima perfeito. 

 

A transa nunca mais será a mesma.... 

A massagem erótica vai fazer muito bem a vocês, tenham certeza! É uma técnica que aumenta a intimidade do casal e também permite conhecer mais o próprio corpo, de que maneira você pode sentir mais tesão. Com todas essas dicas, só resta uma sugestão:Mãos à obra! Com muito prazer, claro!